Destino



 Ninguém é vítima do destino, ele não é obra do acaso, resultado de causas independentes de nossas ações ou vontade. É reflexo do que fizemos no passado. O destino, tal qual um livro, registra em suas páginas, hoje, todo o drama com alegrias e tristezas, que você, o autor, escreveu em momentos do passado; e irá conter nas suas páginas futuras as linhas que você está escrevendo hoje.
 Logo, para que o seu livro contenha uma história feliz, viva hoje de forma que suas ações no bem garantam um destino harmonioso. 
 Entretanto se há algo que você fez que o incomoda de forma a atrapalhar sua paz, lembre-se de que ficar caído no chão a se lamentar não vai ajudar. Levante-se e siga o seu caminho, no tempo oportuno você terá a oportunidade de corrigir seu erro.
 Há uma frase de Chico Xavier que diz: “Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim”. Significa que se pode mudar o final da história, por isso vá à luta. 

Nenhum comentário